domingo, abril 24, 2011

BOUCHARD AÎNÉ & FILS 2008 - Bourgogne Passe-Tout-Grains AOC

Até que enfim posto um vinho para a Confraria Brasileira de Enoblogs. Sem a disciplina da data, porém com o mesmo espírito de compartilhar com os enoamigos um experiência do vinho. ESTOU DE VOLTA!
O tema do mês de ABRIL da CBE é Borgonha Custo-Benefício.
Comprei este na gôndola de promoções da loja Lidador Centro, no Rio de Janeiro. Comentei com o vendedor das minhas preocupações com borgonhas baratos, pois é fato que para tomar um decente deve-se gastar alguns trocados. O vendedor me garantiu que este vende bem. Também, pudera, fica um francês a R$48,00 na área de promoções da loja. O pessoal acaba levando. Topei a aventura:

Cor mais clara, esperada para a região. Detalhe que a uva não era Pinot; mas, sim, Gamay. Esta faz vinhos mais ligeiros e tem uma ou outra excessão de qualidade pelo mundo.
Aromas de intensidade média simples, já denotando desequilíbrio. Boca rápida, sem muitas qualidades, com amargor e confirmando o desequilíbrio ácido.

Vinho ligeiro, sem qualquer chamariz. Reforça a tese de que borgonha bom é borgonha caro. A região é responsável por constelação com alguns dos melhores vinhos do mundo, entretanto os vinhos ruins são vendidos fora de preço. Para estabelecermos um paralelo, o Bouchard devia ser vendido ao lado dos nacionais de gama média, na casa dos R$20,00 a R$25,00. VV! 79.

4 comentários:

Vinho para Todos disse...

Leo,

o vinho de MAIO será um 100% tempranillo, sem limite de preço e país à sua escolha.

A indicação veio da Fabiana, do Escrivinhos.

Saúde!

Leonardo de Araújo disse...

Obrigado meu caro. Já adquiri um Temprano.

Presença garantida na próxima.

Brindes,
Leonardo

GM disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
GM disse...

Leonardo, tudo bem?
Muito bom o blog, estava dando uma conferida. Parabéns...
Parabéns.
Abraço,
Gustavo
[Histórias e Vinhos]
http://historiasevinhos.blogspot.com