domingo, agosto 03, 2008

Vinhos do Angeloni

Encontrei minhas anotações!!!!! Sabia que estavam aqui em algum lugar. Enquanto me preparo para mais uma maratona de vinhos no DECANTER WINE SHOW repasso o que provei na Feira de Queijos e Vinhos 2008 do Supermercado Angeloni (ver postagem anterior).
Todos eram vinhos simples e de preço relativamente menor, mas alguns se destacam pela relação mais honesta de custo-benefício. Não estão em ordem de preferência:

Honestos:
- Salton Brut
Boca suave, boa acidez. Simples, mas honesto. R$18,90.
- Quinta de Santa Eufêmia Fine Ruby
Aroma frutado, algum álcool e leve citricidade. Boca alcoólica, mas sem grandes incômodos. Simples. R$29,90.
- Aurora Colheita Tardia 2008
Malvasia Bianca/Semillon. Floral, frutas cristalizadas, perfume de panetone e mel. Boca agradável, melhor que em safras anteriores. R$11,90.
- Reserva Miolo Cabernet Sauvignon 2006
Ruby com brilho. Aroma de fruta. Acidez excessiva no paladar. Razoável, compatível com o preço: R$22,90.

Dois vinhos que comprei para tirar a prova em casa:
- Marqués de Turia Bobal 2006
Vinho sem corpo algum, mas também sem muitos defeitos. Fiquei cismado e tomarei de novo. Se for bom, valerá pelo preço. R$12,90.
- Fusta Nova Moscatel
D. O. Valencia. Aroma intenso, mel, laranja, frutado, floral, algum herbáceo. Boca doce, mel, chocolate branco, muito doce! Remédio, xarope. A intensidade impressiona, tem complexidade, mas penso que talvez a qualidade não seja lá muito boa. Tomarei de novo para tirar dúvidas. R$22,90.

Demais vinhos provados:
- Fortaleza do Seival Tempranillo 2007. Bem mais ou menos.
- Charle de Monterrey 2005. Apelacion Bordeux Controllée. Frutado, simples, fechado, papelão.
- Salton Classic Tannat 2007. Escuro, bordô. Aroma simples, alguma especiaria. Boca simples, seca.
- Porto Vinzelo Tawny
- Chauderoche 2006. Maison Mallard-Gaulin. Apellacion Côtes du Rhône Controllée. Aroma de fruta madura, madeira. Cor violácea clara. Não é de todo ruim. Algum amargor, tanino vivo. R$26,90.
- Miolo Seleção 2006. Aromas frutados, framboesa, bom. Em boca é mais ou menos.
- Saurus Cabernet Sauvignon 2005 Patagonia Select. Incrível como os Saurus não me agradam mesmo. Desequilíbrio é a marca da vinícola. R$54,00
- La Hacienda 2004. Vinícola Aurora no Uruguay. Vinho ruim.
- Verdicchio Di Matelica Soldo 2005. Vinagre de maçã. Fresco, só. R$15,90.
- Santa Ana Cabernet Sauvignon 2007. Bordo violáceo atípico. Aroma defeituoso, incomoda.
- Viña Maipo Shiraz Reserva 2006. R$27,90.
- Salton Classic Tannat. Aguado. R$11,90.
- Castell Chombert Cabernet/Merlot. Doce, vinho de mesa (no sentido ruim da palavra). R$9,79.
- Phebus Malbec 2005. Insite em não me agradar.
- Fortaleza do Seival Tannat 2006. Ao que indicam os provados, a linha não agrada.

2 comentários:

Lady Macbeth disse...

La Hacienda 2004 um dos piores que ja provei, tem razão . Gosto de um bom vinho comprei esse para experimentar mas me arrependi.

Anônimo disse...

La Hacienda,Merlot, 2008,Belíssimo vinho. Bom e barato.