segunda-feira, setembro 04, 2006

Cortes de Cima 2002

Em post anterior fizemos a necessária crítica à rede de lojas Vino!, visto que acumulava roubadas comigo e meus confrades.
Agora é hora de elogiar a noite excelente que tive na Vino! Batel. Curiosamente, muitos dos que nos atenderam perfeitamente são os ex-funcionários da Expand que já nos conhecem de tempo lá na Comendador Araújo. Poderia citar o nome de alguns, mas para não fazer injustiça aos demais basta dizer que o serviço esteve cordial e impecável.
Foi difícil escolher o vinho, mas cheguei ao Cortes de Cima, pois estava frio e procurava algo mais forte, concentrado. Mais tarde descobriria que acertei errando, pois este não é encorpado como imaginava.
Pedi um mignon acompanhado de tagliatele ao molho de grana padano. Fazia tempo que eu queria uma carne ao ponto, suculenta por dentro. Estava delicioso, medalhão de dois andares com molho madeira. Não esperava tanto do tagliatele, mas foi à altura. O grana padano não salgou tanto quanto um parmesão comum, complementando bem o mignon.

CORTES DE CIMA 2002
O vinho harmonizou absurdamente bem com a carne. Ambos delicados, suaves e sutis.
Este alentejano tem cor clara, vermelho-rosada. Complexo, apresenta cereja, frutas vermelhas, baunilha, flores e alguma especiaria. Muito fino, acaricia ao degustar. Final delicioso, fresco, sempre pede mais. Equilibrado, é de seu estilo ter corpo médio, taninos médios e delicadeza. Os 14% de álcool pareciam bem menos.
Acredito que pontuaria entre 89 e 91. Preço: em torno de R$70,00.
Um bom vinho para ser apreciado a dois.

12 comentários:

Nuno de Oliveira Garcia disse...

Leo,

"Cortes de Cima" é, de facto, uma das marcas portuguesas mais internacionais. Eu também já provei o 2002 ( http://saca-a-rolha.blogspot.com/2006/03/cortes-de-cima-t-2002.html ) e gostei.

Abraço amigo,

N.

Nuno de Oliveira Garcia disse...

Leo,

"Cortes de Cima" é, de facto, uma das marcas portuguesas mais internacionais. Eu também já provei o 2002 ( http://saca-a-rolha.blogspot.com/2006/03/cortes-de-cima-t-2002.html ) e gostei.

Abraço amigo,

N.

Nuno de Oliveira Garcia disse...

Leo,

"Cortes de Cima" é, de facto, uma das marcas portuguesas mais internacionais. Eu também já provei o 2002 ( http://saca-a-rolha.blogspot.com/2006/03/cortes-de-cima-t-2002.html ) e gostei.

Abraço amigo,

N.

Nuno de Oliveira Garcia disse...

Leo,

"Cortes de Cima" é, de facto, uma das marcas portuguesas mais internacionais. Eu também já provei o 2002 ( http://saca-a-rolha.blogspot.com/2006/03/cortes-de-cima-t-2002.html ) e gostei.

Abraço amigo,

N.

Débora disse...

Realmente o vinho é muito bom, acompanha muito bem comidas mais pesadas. Beijoss

Leonardo De Araujo disse...

Débora,
Mesmo não concordando que ele acompanha comidas mais pesadas, afinal o mignon era bem suculento e suave, obrigado pela opinião.

Vinho para Todos disse...

Prezado Leonardo, acabo de adicionar seu link em minhas sugestões de enoblogs. É pena que sejamos tão poucos no Brasil, compartilhando nossas impressões (no meu caso, bastante amadoras, mas apaixonadas). Sucesso.

GM

Vinho para Todos: http://vinhoparatodos.blogspot.com

Pingus Vinicus disse...

Leonardo, vou desalinhar um pouco com o resto das opiniões. Nunca fui um adepto do Cortes de Cima. Possui um perfil muito desviado daquilo que eu gosto.

Mas isto é mesmo assim. Cada um de nós tem uma opinião que é tão válida como a dos outros. Por isso é que o mundo dos vinhos é tão interessante.

Um abração do outro lado do atlântico

Rafa disse...

Prefiro os cortes de baixo... Opa, esse é um blog de família, sem baixaria.
Só faltou você aqui no Rio
Abraços!!!

Anônimo disse...

Leo, o blog está um delícia! MAs tenho que confessar que fico na expectativa de ler os comentários do Rafa! Impagáveis! Sobre o Cortes de Cima, acho que harmonizou bem pois o prato não tinha (pelo menos aparentemente) tantas especiarias, pois acho que é um vinho cheio de nuances, nem sempre cai bem (carne com noz moscada por exemplo, como experimentei uns tempos atrás...)a carne estava ótima, mas o frescor do vinho "abriu" muito o gosto (não sei dá para entender, foi assim que eu senti!)
Parabéns pelo blog!
bj
Paola

Anônimo disse...

Laércio disse:
O blog entrou de férias???
Queremos mais.
abços
Laércio

Charlston disse...

Leo, o Artero não é um demi-sec....ouvi isso hj de um cliente...não cheguei a olhar na grf......podes confirmar a veracidade?