segunda-feira, agosto 21, 2006

BAG IN BOX

Sábado, 19/08, ganhei de presente do Lucio e do Lutero uma Bag In Box Del Rei Cabernet Sauvignon Premium 5 Litros.
Bag In Box é uma embalagem de patente alemã muito difundida nos EUA e outros países, que está chegando agora no Brasil. Ainda não fiz um apanhado mais vasto, contudo temos notícia de que já tem Malbec argentino em embalagem de 3 Litros no mercado brasileiro.
O vinho é embalado a vácuo num saco, que é envolvido numa caixa de papelão. O bico pelo qual servimos é muito prático: é só apertar o botão vermelho que o líquido sai com boa pressão direto na taça.
O contato controlado entre oxigênio e vinho é fundamental para sua evolução. Como esta embalagem é a vácuo perde neste aspecto. Por este e outros motivos, o mercado de Bag In Box deve ficar restrito aos vinhos de qualidade média e inferior.
Nenhum amante do vinho vai abrir mão de desarrolhar as garrafas com o saca-rolha. Quando encontramos rolhas sintéticas já ficamos "meio assim". Muito menos por pensar que é um defeito, mais pela tradição e o prazer de ver a boa cortiça.
Já para os vinhos de qualidade inferior oferece algumas vantagens:
- É menor e mais leve que o garrafão de vidro de 5 Litros.
- Conserva melhor o vinho por longos períodos (entre 30 e 90 dias).
Imagino bom uso para grandes festas. Para seguir a recomendação médica de tomar uma taça por dia também é uma boa, pois o vinho fica intacto por longo período. Atençao para o fato de ser tão fácil de servir que o indivíduo pode não tomar apenas uma taça e aí tem os problemas do excesso do álcool.
Em suma, as qualidades mercadológicas superam os defeitos quando se fala em vinhos baratos.
Vamos ao líquido:
Del Rei Cabernet Sauvignon Premium Bag In Box
Algum brilho, límpido. Aroma frutado pouco complexo. Pouco corpo e taninos médios. O contato com o ar faz bem para ele, após alguns minutos na taça melhora e o aroma evolui. Leve, porém incômodo, amargor final.
Não dava para esperar mais pelo preço:
5 Litros custam R$35,00 na Vinhos Del Rei.
Fiz as contas: 1L custa R$7,00; 750mL custam R$5,25.
Não tenho notícias de outro Cabernet Sauvignon a "cincão" a garrafa.
(Na degustação feita naquela mesma tarde, acredito que ficaria em quarto lugar.)

Um comentário:

Mario disse...

Leonardo, obrigado pela sua visita e comentário e parabéns pelo seu blog, continue contando suas aventuras pelo mundo do vinho, seus textos são muito bons.
Eu tive oportunidade de experimentar o bag in box de 3 lts. Malbec 2004 e Cab.Sauvignon 2005 da Alto Agrelo, vinícola mendocina que não conhecia, e não sei se tem produtos em garrafa de vidro.. Comprei e continuo comprando no Carrefour ao preço de R$ 28,00 o que da o equivalente a R$ 7,00 a garrafa, é um vinho para beber jovem, é frutado e surpreendentemente possui certa personalidade que supera o preço que vale. O produtor garante 30 dias de conservação depois de aberto, nunca cheguei a esse prazo, mais de 15 a 20 dias posso testemunhar; é melhor opção que o vacu-vin. Com minha esposa dividimos uma garrafa nas quartas e no final de semana, deixando o bag in box para os dias restantes, para cada um poder se servir as taças que desejar. É melhor que muitos vinhos que custam o dobro, e não tem nada a ver com vinho de garrafão.
Na Argentina, é vendido um bag de 5 Lts. o Viña Ona Cab.Sauvignon Roble ao preço de 60 pesos (aprox. R$ 45,00), ainda não experimentei, porem tenho boas referencias.
Um abraço.